Oleo de Prímula

Veja os benefícios que esse produto pode fazer em seu organismo.

Artigo publicado por Amanda Bitte nas categorias: Produtos

O óleo de prímula é um óleo extraído de uma planta que conhecemos como prímula, mas que é nativa da América do Norte onde a chamam de Evening Primrose. O óleo é extraído de suas sementes, e é rico em ácido gama linolênico e em ácido linolênico, ou o ômega- 6, que traz muitos benefícios ao nosso organismo se o ingerirmos em nossa dieta com frequência.

Os defensores do uso do óleo de prímula em nossas dietas defendem principalmente seus benefícios para mulheres, pois ele auxilia no emagrecimento, faz da pele mais bonita e combate os sintomas da Tensão Pré Menstrual. O óleo também é usado contra dermatites e para as crianças hiperativas.

Óleo de Prímula

O ômega-6 é também muito celebrado por suas propriedades anti-inflamatórias, por ser um nutriente que protege o coração de várias doenças cardiovasculares, prevenir diabetes e controlar hormônios.

Como Funciona

O ômega -6 e o ômega-3 são ácidos graxos essenciais ao nosso organismo, mas que só conseguimos obter com a alimentação. O peixe é muito rico nesses nutrientes, mas alguns óleos de sementes como o óleo de semente de linhaça dourada e o óleo de prímula trazem esses alimentos para nossa dieta também.

A série ômega-6 é formada pelos ácidos linoleico e ácido gama linolênico, ou GLA. Esse último, faz parte da estrutura de membranas celulares e origina a prostaglandina E1, uma substância que é usada no controle de hormônios, e pode, assim equilibrar as taxas de hormônios femininos. Como a TPM é causada pela alta taxa de progesterona que existe no nosso corpo antes da menstruação, ou seja, no final do nosso ciclo, o consumo de nutrientes com ômega-6 ajudariam a manter essa taxa mais equilibrada, ajudando a suavizar ou eliminar os sintomas da TPM.

O Controle Hormonal

Cápsulas de Óleo de Prímula

  • Esse controle hormonal também pode ajudar no controle emocional, que muitas vezes pode ser difícil devido a um desequilíbrio hormonal, muito comum em mulheres, mas também em homens que possuem picos de agressividade e impulsividade.
  • Além desse benefício hormonal, pesquisas atribuem ao óleo de prímula outros benefícios a nossa saúde como o combate às inflamações; osteoporose, pois o óleo ajuda a fortificar os ossos; diabetes ao melhorar o funcionamento da insulina (que também é um hormônio); hidratação da pele e produção de colágeno, o que ajuda a manter a pele com elasticidade e bem nutrida.
  • O óleo também já se provou muito bom na regeneração hepática e era muito usado na antiguidade para combater a ressaca. Seu nome prímula é derivado do deus do vinho, por esse motivo. Isso faz do óleo muito bom para quem tem doenças hepáticas ou na recuperação de alcóolatras, que sempre acabam com problemas no fígado.
  • Por ser um óleo e de digestão mais lenta, o óleo de prímula ajuda no emagrecimento por dar sensação de saciedade por mais tempo. Além disso, a digestão mais devagar faz o organismo ir procurar a gordura estocada como fonte de energia, queimando assim a gordura localizada. O óleo também ajuda no emagrecimento porque o organismo prefere usar esse tipo de ácido graxo ou invés de gorduras mais pesadas, eliminando-a mais do que se não houvéssemos consumido o óleo de prímula.
Amanda Bitte

Autora

Amanda Bitte é proprietária de uma clínica de emagrecimento e adora compartilhar novidades sobre bem-estar, saúde e principalmente emagrecimento.



Comente!




*Campos obrigatórios