Analisando Seu Progresso na Perda de Peso

Com alguns instrumentos, é possível acompanhar de perto o seu emagrecimento.

Artigo publicado por Amanda Bitte nas categorias: Estética

Muitas pessoas questionam sobre a melhor maneira de acompanhar o progresso na perda de peso aliados às dietas e treinamentos, seja nas academias ou ao ar livre. É muito importante fazer esse acompanhamento para manter o foco nos trabalhos, porque esse acompanhamento do progresso no emagrecimento é a melhor fonte de informações para que você possa melhorar ainda mais.

analisando-seu-progresso-na-perda-de-peso

O Espelho é o Seu Melhor Amigo

Assim, a primeira dica é usar a velha fita métrica e o espelho. Esses dois devem sempre acompanhar toda e qualquer atividade ligada ao emagrecimento ou aumento de músculos.
E por falar em músculos, é bom ter bem em mente que eles são os tecidos mais metabolicamente ativos em nossos corpos, são eles que determinam a quantidade de quilocalorias que vamos gastar. Por isso, é importante mantê-los ou aumentá-los. Mesmo porque todo músculo necessita de energia até mesmo no repouso absoluto, e pode contar com eles para a perda de gordura.

Calculando o Percentual de Gordura Corporal

Existem muitas maneiras para se calcular o percentual de gordura no seu corpo, isso vai demandar algumas consultas no nutricionista ou outro profissional de saúde ou educação física para lhe auxiliar nos trabalhos. Faça isso e veja qual método mais lhe convém, de acordo com suas características e comportamentos alimentares. Vejamos alguns métodos:

Adipômetro

O famoso medidor da camada adiposa. Ele mede nossa gordura como se fosse um beliscão numa dobra da pele. Assim como todo método, tem suas vantagens e desvantagens. O lado positivo do uso desse aparelho é que ele é preciso, confiável e repetitivo. Por outro lado, sua desvantagem é sua grande variabilidade, e também, pessoas muito acima do peso não conseguem colocar a dobra da pele dentro da pinça. Apesar de tudo, esse é o método de medição mais recorrente e mais utilizado pelos profissionais da área.

Medição Antropométrica

Este é o método utilizado pela Marinha dos EUA, onde são medidas as circunferências da cintura, pescoço, pernas e medem também a altura para os homens. Quadris, pescoço e altura para as mulheres. A vantagem é o baixo custo e simplicidade, e o questionável é sua precisão, porque não mede a gordura em si, e sim, tão somente as medidas do corpo, que podem variar de uma pessoa a outra, uma pode ter mais músculos ou mais gordura determinando a circunferência.

Pesagem Hidrostática

Este é o método considerado o melhor por muitos profissionais, que segundo eles, a margem de erro é demais ou menos 1,5%na medição da gordura corporal. Esse método requer a pesagem do corpo submerso em um tanque d´água. Como os ossos e músculos são bem mais densos que a água, uma pessoa com uma maior percentagem de massa magra vai pesar mais na água por ter um percentual de gordura corporal menor. Já o contrário, uma grande quantidade de massa de gordura maior, fará com que o corpo fique mais leve na água.

Diante da infinidade de métodos, essas foram algumas das dicas para que você opte por aquela que mais lhe convenha, procure uma ajuda profissional e comece os treinos e medições, no começo demanda um pouco de dinheiro e dedicação, mas logo você engrena nas atividades e vai incorporar essas ações no dia a dia, e se tornará um estilo de vida (saudável).

Amanda Bitte

Autora

Amanda Bitte é proprietária de uma clínica de emagrecimento e adora compartilhar novidades sobre bem-estar, saúde e principalmente emagrecimento.



Comente!




*Campos obrigatórios